Resenha Em Busca de WondLa

16:15:00 Gabriela Mélo 0 Comments

O que você faria se em toda a sua vida nunca tivesse saído de casa, morasse com sua "mãe" robô e devido às circunstâncias de perigos, fosse obrigado(a) a sair para descobrir que está em um mundo totalmente diferente do que você passou a vida se preparando para enfrentar ?

É o que vamos ver hoje com Em Busca de WondLa de Tony Diterlizzi (Autor e Ilustrador dessa históra)



O livro conta a história de Eva Nove, uma garota humana que morou toda sua vida em um santuário (como eles chamavam as casas) no subsolo com sua robô "mãe", Mater. 
A menina passa toda a vida se preparando para encarar o mundo lá fora, sem nunca ter saído de casa uma única vez. 



Ela estuda como se livrar de picadas de cobras venenosas, ou como arrumar um braço quebrado, mas quando Feraptor -uma criatura cruel e diferente de tudo que ela já tenha visto antes- invade sua casa, ela é obrigada a sair -mesmo despreparada- e encarar os perigos para os quais tanto treinou, tentar salvar sua própria vida e achar outros como ela.


Em sua fuga ela conhece Andrílio, uma estranha criatura de pele azul, que a ajuda na busca de sua origem e  de seus semelhantes (outros humanos).


É uma história bem interessante e criativa. Realmente diferente de qualquer coisa que eu já tenha lido. Como eu disse no vídeo -em parceria com o mundo literário-, no começo eu achei chato, pois como existem outras espécies no livro cada uma fala sua própria língua e demora um pouquinho até que a protagonista comece a entender.


Mas depois, a história flui naturalmente e se torna bem divertida. Nos deparamos com os conflitos da protagonista e sua busca incansável por seus iguais, sua curiosidade e força de vontade que sempre a livra de confusões.


Minha parte favorita é a crítica existente -troca de lugares.
O livro coloca os outros seres como pesquisadores que terminam matando algumas espécies para estudá-las e nos coloca como uma dessas espécies, como se não valêssemos mais do que nossa contribuição para avanços e pesquisas. 


É um livro muito bom, crianças e adultos vão adorar. Eu recomendo ;)

O livro é interativo, usando as chaves que ele possibilita -pode ser encontrado nas páginas 113, 237, 361 e nas páginas finais  no próprio mapa- e a webcam podemos ter uma visualização do mapa em 3D. você pode ver mais sobre isso aqui :) 

0 comentários: